Antes e Depois: Parede Colorida em Degradê

Acho que sem querer vou colorir essa página de turquesa hoje. Aqui vai mais uma ideia super bacana que eu encontrei do fantásticos blog PS – I Made This  lá você vai achar uma galeria  maravilhosa com vários D.I.Y super simples de fazer.

Nesse aqui ele mostra como pintar uma parede em degradê.

A primeira coisa é escolher a sua paleta de cores, aqui foi escolhido o turquesa como cor chave, depois você precisa definir 3 tons para o degradê, o mais claro será usado para pintar toda a parede, e os outros dois farão a passagem.

Lembre de proteger o piso com plástico ou jornal e use fita adesiva para não sujar o rodapé também. Com o rolinho faça toda a base da parede, se o fundo for branco provavelmente 2 demãos serão suficientes.

Você não precisa esperar a primeira camada secar completamente para começar a criar o degradê. Pinte a parte inferior da parede com o tom mais escuro, e o meio com o tom intermediário usando um pincel largo, aguarde alguns minutinhos e comece a homogeneizar o degradê com o rolinho de baixo para cima.

A figura aqui embaixo vai te ajudar a visualizar melhor. Caso você nunca tenha pintado uma parede na sua vida, vale testar antes em algum cantinho, muro ou placa de madeira para pegar o jeito.

 Outra ideia bacana de pintura em degradê é essa aqui do blog Everyday Is A Holiday que tem um efeito de babado super fofo.

E aí gostou do post? Então compartilhe e comente para ajudar o Remobília a crescer sempre!

Antes e Depois: Aparadores Improvisados

Ser você também acha que um aparador é capaz de dar um charme todo especial a decoração, acredite em mim, quase tudo pode virar um aparador, sem que você precise investir muito pra isso.

Separei aqui algumas ideias super bacanas e fáceis de fazer, veja se você não tem alguns desses itens em casa e monte seu aparador charmozinho para decorar o hall de entrada, o corredor ou a sala de estar no melhor estilo remobília de ser.

Aqui duas banquetas antigas ganharam uma pintura pink e um reforço que pode ser usado como prateleira, bastou isso e uma tábua de pinus envernizada, para ter um aparador que de quebra pode servir como mesa de trabalho.

Aqui a persiana virou o tampo do aparador com pézinhos torneados, que por sua vez,  podem ser reutilizados de uma banqueta velha.

E quem diria que a tábua de passar de madeira, que estava prestes a ir para o lixo, poderia se transformar nessa bela opção de aparador? Bastou um pouco de tinta e ela será útil por muito tempo ainda.

Os pézinhos da máquina  de costura Singer, nossos velhos conhecidos, não poderiam ficar de fora. Aqui eles também receberam uma bela pintura e um tampo de vidro que garante seu uso como um aparador super nostálgico

E ai gostou? Então comenta!

Ah! Se você também está fazendo sua remobília em casa, não esquece de enviar pra gente, ou  por mensagem lá na nossa Fan Page do Facebook ou por e-mail estudio.remobilia@gmail.com.

 

Antes e Depois: Simplesmente Mude as Cores.

Vou contar um segredo pra vocês, quando comecei a planejar a decoração da minha casa nova, vi que muitas das coisas que eu queria, não encontraria nas lojas de móveis padrão.

Para conseguir deixar o meu cafofo com a minha cara, ou seja, super colorido, eu teria que bater perna nas lojas de móveis usados e antiquários para garimpar pequenos tesouros.

E lá eu fui e lá eu achei muita coisa legal.

Minha sorte é que inspirações para uma repaginada nunca me faltaram, assim já conseguia meio que determinar o que fazer com cada peça antes de fechar negócio.

Agora vou dividir com vocês algumas inspirações em antes e depois, de gente que não teve medo de investir no móvel usado para decorar o seu espaço, as vezes não é nem preciso muito para deixar o ambiente com uma cara nova, o móvel que você tem em casa também pode fazer a diferença se você lhe der uma change.

 

O acabamento final de cada peça vai depender da sua habilidade. Se você tem uma peça rara na mão o melhor é contratar mão de obra especializada para cuidar do serviço, do contrário o que você vai precisar para botar a mão na massa é de disposição, lixa para acabamento fino, tinta esmalte spray branco para base e tinta  esmalte spray colorido.

Para ver os créditos das imagens passe o mouse por cima delas.

Antes e Depois: Reforma com Tinta Spray e Chita

A um mês atrás, recebemos a incumbência de dar uma cara nova a uma mesa  de centro renegada, que seria publicado na Revista Minha Casa no mês de Abril.

De cara já dei a sugestão de pintarmos a peça e usarmos um tampo de vidro decorado com chita, mas como o tampo da peça tem um desenho sinuoso o custo da reforma ficaria muito alto só pelo corte especial do vidro.

Daí surgiu a ideia de usarmos um tampo de MDF mesmo e revesti-lo com a chita, problema resolvido botamos a mão na massa. 

Como a peça era antes:

A reforma foi bem simples, levamos a peça ao marceneiro que fez o tampo no  mesmo dia e nos cobrou R$20,00.

Para a reforma da peça usamos lixas #60 e #120, Tinta Spray Branco Fosco da Suvinil para a base e a Tinta Spray Azul Safira da Suvinil para colorir.

Para pintar corretamente, basta seguir as orientações da embalagem.

No tampo aplicamos a chita com sobra de 5 cm para cada lado usando cola branca espalhada com um  rolinho de espuma, para dar o acabamento nas curvas fizemos pequenos cortes na parte de trás do tecido e fomos modelando as curvas.

Por fim só foi esperar secar e passar o Spray Impermeabilizante de Tecidos.

Vejam como ela focou depois:

Quanta diferença não é mesmo? Essa é a nova categoria do Remobília, no Antes e Depois vamos mostrar pra vocês que nunca devemos desistir de um móvel antigo, eles ainda podem se tornar uma peça chave na decoração da sua casa!

Imagens Revista Minha Casa