Criado Repaginado Cafofo 306 com Sacada de Casa

E depois de um tempo sumida, cá estou eu novamente com mais uma arte do cafofo 306. A cada novo projeto me surpreendo mais com os resultados e como é possível sim reaproveitar aquele móvel velhinho, apagado, que para alguns não tem mais serventia, mas para nós grandes criativos, é uma mina de ouro.

O móvel de hoje foi encontrado na rua e veio para o lugar certo! Eu estava mesmo precisando fazer uma mini penteadeira no quarto aqui no cafofo e queria dar uma super repaginada nele para surpreender e compor junto com o guarda roupa que também ficou de cara nova. Para quem não viu, confere no link aqui!!

Continue reading…

Minha Nova Velha Mesinha de Carretel

No evento Colour Futures, que rolou no mês passado, onde a Coral apresentou a cor do ano 2017, eles nos ofereceram de brinde esse estêncil maravilhoso “a vida sob um novo ângulo”.

Guardei ele aqui só esperando uma oportunidade de botar a mão na massa e decorar algum cantinho ou coisinha com ele, daí veio o convite da TV Gazeta, para a matéria sobre o cafofo e junto a tal da oportunidade que eu estava esperando.

Comecei fazendo umas artes em uma das portas do contêiner que a gente deixa exposta na entrada do cafofo. Nessa cheguei até gravar o passo a passo pelo Instagram Stories, então se você ainda não me segue por lá, esse até que é um bom motivo, sempre tá rolando algum passo a passo ao vivo por lá! Adorei o resultado e já tô querendo fazer o mesmo com o outra porta também!

Depois disso, foi a vez do Vinie dar uma carinha nova para a nossa velha mesinha de carretel.

Continue reading…

Gaiola para mimos, livros e gatos. Nada de pássaros!

Gaiola é um detalhe muito charmoso na decoração que pode ser usada de diversas formas. No post de hoje vou mostrar algumas alternativas, mas não engaiolando pássaros!

Material

  • Gaiola;
  • Alicate universal;
  • Durepoxi;
  • Tinta spray para metal;
  • Tecido;
  • Enchimento para almofada;

Continue reading…

Reformando o Guarda-Roupa com papel de parede

E cá estamos nós com o primeiro “antes e depois” da série do Cafofo 306, que eu mesma estava super ansiosa para finalizar. Como alguns de vocês já acompanharam, quando aluguei o cafofo 306 aceitei o desafio de pegar ele sem nenhum móvelzinho, apenas os tampos da cozinha e banheiro. A ideia sempre foi criar muitos DIYs para compartilhar com vocês e dar a minha personalidade ao meu cantinho. Mudança vai, mudança vem, a família sempre acaba se solidarizando e quando rola uns desapegos sempre lembram de mim.

Pois bem, ganhei o guarda roupa que tem quebrado um galho em questão de economia, mas sempre achei ele muito apagadinho, só na madeirinha e sem acabamento na lateral.

Enfim criei coragem, arregacei as mangas e comecei a transformação que vocês vão acompanhar por aqui:

Continue reading…

DIYcas e DescARTES #3 | Par de Bancos Reformados

Eu gosto de reutilização e recuperação de objetos, pois além de não gerar mais lixo, absolutamente todas as peças tem história, o que as deixa ainda mais interessantes.

Algumas eu só sei dizer a partir do momento e aonde as encontrei, outras eu sei de onde vieram e porque chegaram até mim… Que é o caso destes banquinhos.

Estes de bancos foram reencontrados no meio da reforma de uma casa inteira. Uma amiga que ao invés de jogar fora, perguntou se eu queria. Instantaneamente e já muito animada com o que poderia fazer, respondi que sim!

A parte mais legal, é que eles eram da avó do marido dela e compunham a sua casa nos anos 80.

Como deixar esse parzinho de madeira cheios de memórias irem direto para caçamba? Jamais!

Continue reading…

Parede de Tijolinhos com Papel de Parede Adesivo

Já faz um tempinho que eu e o Vinicius procurávamos um cantinho pra chamar de nosso estúdio. Gravar os vídeos para o canal do YouTube aqui em casa sempre foi muito cansativo, sobretudo pela falta de espaço, além do stress de ter que ficar de olho no Arthur e na Alanis para que eles não se enrolassem no monte de fios espalhados pela casa.

Basicamente por esse motivo, que no final das costas, nós simplesmente paramos de produzir material em vídeo, ao menos até que conseguíssemos um espaço só pra fazer isso.

Continue reading…