Banquetinhas-reformadas-Blog-Remobilia-Capa

DIYcas e DescARTES #3 | Par de Bancos Reformados

Eu gosto de reutilização e recuperação de objetos, pois além de não gerar mais lixo, absolutamente todas as peças tem história, o que as deixa ainda mais interessantes.

Algumas eu só sei dizer a partir do momento e aonde as encontrei, outras eu sei de onde vieram e porque chegaram até mim… Que é o caso destes banquinhos.

Estes de bancos foram reencontrados no meio da reforma de uma casa inteira. Uma amiga que ao invés de jogar fora, perguntou se eu queria. Instantaneamente e já muito animada com o que poderia fazer, respondi que sim!

A parte mais legal, é que eles eram da avó do marido dela e compunham a sua casa nos anos 80.

Como deixar esse parzinho de madeira cheios de memórias irem direto para caçamba? Jamais!

Continue reading…

Banquinho-repaginado-com-tecido-adesivo-antes-e-depois-blog-remobilia

Minha Banquetinha de Cara Nova De Novo!

Continuando a minha saga de repaginar esse cafofo com muita cor,  lembra daquela banqueta de madeira que a gente decorou pra a Feicon? o link tá aqui …Então, resolvi que era hora dela ganhar uma nova “roupagem” também.

Um dos motivos é o fato dela já estar um tanto desgastada, Arthuzinho não perdoa, e também por que eu queria algo mais colorido pra usar como banquinho de apoio aqui no  meu novo cantinho de trabalho.

Agora você me pergunta, pra que serve banquinho de apoio? Ora, pra apoiar as minhas coisas quando quiser liberar a mesa para alguma atividade craft, pra alguém se sentar do meu lado quando quiser mostrar algo em que estou trabalhando, ou pra deixar o cantinho colorido simplesmente.

Pois bem, aproveitando que sobrou bastante tinta da repaginada que eu dei no meu cordão de luz, mostrei toda a transformação lá no Instagram, caso você tenha perdido, vesti meu avental e comecei a reforma da minha baquetinha.

A primeira parte  é a mais chata, que consiste em muito suor, lixando e lixando a peça, mas não vale ter preguiça nessa hora, por que lixar é fundamental! Depois de lixar, aí sim vem a parte legal que é colorir a peça, nessa hora até o Tutu, que adora uma tinta, entrou na brincadeira e também ajudou a pintar.

Banquinho-repaginado-com-tecido-adesivo-blog-remobilia

A cereja do bolo, sempre tem cereja nesse bolo, foi aplicar esse tecidinho adesivo, lindo de viver, com estampa de ladrilho. No final nossa banquetinha ficou assim, toda iluminada!

Banquinho-repaginado-com-tecido-adesivo-blog-remobilia-3

Banquinho-repaginado-com-tecido-adesivo-blog-remobilia-2

De banqueta discreta, a super carnavalesca em poucos minutos.

Como essa peça é super irregular, o pulo do gato foi usar tinta fosca na pintura, ela super ajuda a disfarçar as imperfeições da peça.

O tecidinho adesivo faz parte de um mix com várias estampas que você encontra no Meu Móvel de Madeira,  as tintas, são da Acrilex.

Pra acompanhar em primeira mão todas as transformações que estão acontecendo no cafofo agora, segue a gente lá no Instagram!!

perfil_patricia

1 capa

DIY Banquetinha Chevron

Há alguns meses atrás eu postei um DIY fofíssimo em que um baú antiguinho era totalmente repaginado com tons de rosa e laranja. Na época eu não soube dizer qual era afinal aquela fita azul super estilosa que era usada pra fazer o desenho em listras da peça, mas depois de ver a mesma fita sendo usada em vários outros projetos de artesanato, arte e pintura, descobri que se tratava de uma fita crepe especialmente desenvolvida para propiciar um acabamento de pintura profissional,  resistente a líquidos e ao rasgamento, que não deixa resíduo e com uma excelente linha de pintura.

Ela ainda é uma novidade no mundo do faça-você-mesmo brasileiro, mas já caiu no gosto de todo mundo que curte botar a mão na massa, ou melhor, na tinta e no pincel, tanto para dar uma colorida naquela parede sem graça da casa, fazer arte, como também reformar pequenos móveis.

Minha chance de testar a tal da fita milagrosa veio justamente da ideia de produzir algo com ela para a decoração do cantinho do banheiro, que eu já te mostrei no post anterior Remobília com 3M – Feicon Batmat 2015.

Achei a Scoth Blue da 3M aqui na Dicico de Suzano, e a escolhida para receber uma roupagem nova, foi uma banqueta de madeira bruta que comprei na Joli. A escolha da estampa chevron em dois tons de azul se deu um pouco por que eu sou apaixonada por essa combinação, outra por que a estampa é linda e  de quebra por que iria mostrar direitinho como a fita funciona super bem para decorar móveis. Usamos pouquíssimos materiais e o passo a passo você confere agora.

2 materiais 3 lixar 4 montar desenho 5 pintura 6 acabamento 7 Banqueta pronta 8-Banqueta-pronta

Como a tinta azul tinha uma boa cobertura e a madeira era bem clara não foi preciso pintar primeiro de branco para depois aplicar a cor. Outro detalhe importante foi que como eu não selei a peça antes, a madeira acabou sugando a tinta e deixando a linha irregular em algumas áreas, minha dica então é não pular essa parte para que o acabamento seja perfeito. A fita é bem resistente o que facilita a aplicação e a retirada dela da peça também. Com ela é possível criar inúmeras estampas e não só as geométricas. Você pode até elaborar desenhos vazados na fita e daí em diante o céu é o limite.

Pode esperar que ainda vai ter muita coisa feita com essa belezura aparecendo por aqui em breve, estou realmente in love pela Blue, acho até que ela sozinha, sem pintura, já fica linda :)

 

selo-publieditorial-2

 

perfil_patricia

antes-e-depois-banquinho-8

Banquinho Remobiliado II

E cá estamos nós com mais um banquinho da série Remobília!!

Este foi salvo na casinha de lixo do meu prédio. As vezes meus vizinhos resolvem fazer uma limpa em casa e despacham alguns móveis, e eu não perco a oportunidade de resgatá-los quando possível. Tenho muito que agradecer a estes meus vizinhos desapegados hehe.

O problema deste banco pra ser abandonado é que o tampo estava com uma parte meio quebrada, fora os riscos na pintura. Resolvi que seria melhor tirar a parte quebrada e pintar o restante do tampo, pois na verdade esta era apenas uma camada de um mdf que ia por cima da madeira que fez a fixação dos pézinhos.
antes-e-depois-banquinho

Como em cada projeto há uma surpresa diferente, eis que quando tiro o mdf, o tampo debaixo estava com recortes para encaixe dos pés. Para corrigir isto precisei lixar a parte da madeira que estava mais em relevo e depois passei massa de madeira para uniformizar. Esperei até secar a massa e dei o toque final com a lixa.
antes-e-depois-banquinho-1

Só que antes de decidir nivelar o tampo eu comecei a pintar os pés do banco de vermelho sem ter retirado a tinta branca que estava embaixo, achando que seria boa ideia e vi que a coisa começou a ficar sem graça e minha criatividade estava meio restrita no dia.

Resultado: lixei o banco inteiro novamente para tirar toda a camada de tinta e comecei a pesquisar novas referências pra criatividade voltar a fluir.

Dica: sempre que for pintar seu banco de outra cor que não seja a cor que está nele, é bem interessante retirar esta camada de tinta, pois as vezes ela não segura a tinta que você resolveu passar por cima e qualquer coisa que encosta nela já descasca. Sugiro a utilização de um “raspador”comprado em loja de material de construção, para retirar a camada mais grossa de tinta, depois é só fazer o acabamento com a lixa. Fica bem mais fácil.
antes-e-depois-banquinho-2

Resolvido o problema com a tinta e a criatividade, me encantei pela madeira crua que ficou no banquinho e decidi que pintaria apenas uma parte, para dar uma cara mais diferente ( vocês sabem, não gosto de nada convencional) O tampo também foi pintada na mesma cor dos pezinhos.

Como este banco tinha um diâmetro maior, achei que ficaria um sucesso usá-lo como mesa lateral, foi isto que definiu o desenho do tampo, inspirado na estampa chevron, misturando alguns tons próximo ao laranja.

antes-e-depois-banquinho-3

Recomendo fazer a base do desenho com lápis bem fraquinho ou algum outro material que não apareça quando passar a tinta por cima. E também quando for fazer a pintura, os desenhos deverão ser marcados com fita adesiva para evitar que uma tinta fique sobreposta a outra no desenho.
antes-e-depois-banquinho-4

Finalizada a estampa, passei uma camada de verniz para segurar a tinta e evitar que risque ou manche, já que neste caso ela será usada com mesinha. Para acrescentar um diferencial, coloquei uma base MDF fazendo uma prateleirinha apoiada nos travamentos dos pés, para que o banco possa ser muito bem aproveitado.

O sucesso foi tanto que minha amiga designer Beth Mochinski aderiu a moda DIY e repaginou o mini banquinho da casa dela com uma estampa de botão, e ainda participou da montagem do ambiente para as fotos cedendo seu cafofo. antes-e-depois-banquinho-5 antes-e-depois-banquinho-6 antes-e-depois-banquinho-7

perfil-camila

Antes e Depois | Banquinho Remobiliado

Devido o sucesso como colaboradora no blog, todos me conhecem agora como “remobília” e de alguma maneira contribuem com os materiais para que eu possa repaginar para mostrar a vocês.
A vítima da vez foi um banquinho que já passou por inúmeras vidas ( uma vida branca, amarela, azul, verde e branca de novo.. Ufa! que vivido esse banquinho) A ideia era remover todas as camadas de tinta até chegar no tom da madeira, deixando ele com uma cara mais rústica.

antes-e-depois-banquinho-renovado

Mãos a obra, lixadeira e espátula em mãos e apartamento todo coberto por uma fiiina poeirinha branca. O trabalho valeu a pena, pois o resultado da primeira fase já deu outra cara para o banquinho.

antes-e-depois-banquinho-renovado2

Como não abro mão das cores e de idéias diferentes, resolvi inovar e pintar a parte interna das pernas do banco com um amarelão maravilha, chamando atenção de qualquer um que olhe pra ele.
No assento resolvi mesclar cor com a textura da madeira, para isso fiz uma composição de triângulos em três cores com tinta acrílica fosca, encontrada em lojas de artesanato com um preço bem camarada.

antes-e-depois-banquinho-renovado3

antes-e-depois-banquinho-renovado4.4

A finalização foi feita com verniz, uma demão foi suficiente para deixar ele exatamente como o imaginado e PRONTO! o banquinho está pronto para receber visitas no cafofo remobília. antes-e-depois-banquinho-renovado5

Você pode usá-lo como banquinho para visitas, apoio para petiscos ou até mesmo como mesinha lateral. Abuse da criatividade e não se limite!

perfil-camila