Como Camuflar seu Ar Condicionado Inverter na Decoração

Nesse meio-tempo, saiba também por que você deve investir em um aparelho de ar condicionado Inverter na sua casa.

O fato do verão já começar a dar as caras, é o primeiro deles. Nesse momento, manter a nossa casa naquela temperatura ideal deixa a vida muito mais agradável, não é mesmo?! Embora isso até possa pareça um detalhe que passa despercebido na rotina da maioria das pessoas, a gente no fundo sabe que o clima  é capaz de beneficiar desde a nossa saúde, como também o nosso humor.

Sendo assim, eu tenho uma dica pra te dar. Se você deseja investir no melhor custo benefício aliando respeito ao meio ambiente, o  aparelho de ar condicionado Inverter é uma boa opção. Ele possui diversas características que o diferenciam dos modelos tradicionais.

Continue reading…

Visita Duratex | Aplicando Piso Laminado

Neste último dia 14 estive na fábrica da Duratex, mais especificamente na Durafloor de pisos e rodapés! E quem aqui, não gosta de um piso lindo na hora de pensar na decoração. Faz toda a diferença né?!

Primeiro de tudo, eu já era fã da marca e agora sou mais ainda, tanto pelo produto como pela equipe linda da empresa.

Tudo começa na floresta e na plantação de eucalipto, são muitos e muitos hectares logo atrás da fábrica, assim facilita todo o processo de transporte. O ciclo do eucalipto dura 6 anos, quando ele atinge mais ou menos 28m de altura.

Adorei saber que a Duratex tem certificados ambientais, nacionais e internacionais, e ainda é pioneira em tecnologia ambiental.

Curiosidade: A fumaça que sai das chaminés da Duratex é vapor! Sim, vapor!

Eu não sabia, e confesso que fiquei muito feliz com essa informação.

O eucalipto é uma árvore úmida que passa por um processo de corte e secagem antes de dar inicio ao processo da fabricação das chapas de mdf.

Noticia boa: Acredite! Com paciência qualquer um pode instalar. Teremos até passo a passo de instalação de piso…

Visita Duratex Estudio Vira Lata com Remobilia

Durafloor Piso Laminado

Esta categoria conta com 8 linhas diferentes, todas inspiradas na natureza, com grande diversidade de textura e padrões e o facílimo sistema de instalação SuperClick, que nada mais é do que encaixes macho e fêmea.

Todas as linhas contam com variedades de cores claras até escuras.

MARCAS DO TEMPO com a Casa Claudia.

Pelo nome já dá para saber um pouquinho, esta linha tem uma pegada mais “antiga” que trás a mistura de passado e memória com o presente e o contemporâneo.

UNIQUE

Ótima para ambientes de alta rotatividade, as emendas são praticamente invisíveis o que resulta num desenho contínuo.

SENSE

A característica natural da madeira transmite sensação de conforto e sofisticação, por conta dos veios e nós que realçam neste estilo.

DESIGN

Cores cinza, madeira, preto, esta linha trás sofisticação e aconchego.

STUDIO

Esta linha é mais rústica, os veios das réguas são destacados trazendo um toque clássico e moderno.

NATURE

O nome já diz, Nature, natural, a textura típica da madeira natural é a característica desta linha variando em cores, deixa o ambiente com toque rústico e sofisticado.

RITZ

E quem aqui não gosta das palavras: melhor custo beneficio e beleza, juntas? Pois é, essa é a linha Ritz, por conta da amplitude de suas réguas, ela deixa o ambiente descontraído e elegante.

NEW WAY

Custo beneficio e inovação, sério? Sim! Esta linha é jovem e moderna e para atender este público tão versátil e cheio de criatividade, nada melhor do que extra proteção contra micro riscos!

Durafloor LVT (Luxury Vinil Tile)

In Love por todas as linhas de LVT da Durafloor! Estes produtos são de polímero (borracha).

Nem sei por onde começar, o bom é que só tem parte boa J

– Resistente à água, podendo ser aplicado em área molhadas.

– Maior conforto acústico, o toc toc do sapato não ecoará mais na casa inteira.

– Hipoalérgico.

– 100%recicládo e reciclável!

– Podem ser aplicados em ambiente comerciais e residências.

Precisa de mais? Não né?

Mas têm… Estes produtos foram desenvolvidos com 2 formas de aplicação: click (encaixes) e cola.

Em todas as linhas, os pisos possuem o desenho da madeira bem característico.

Trazendo cores que passam do preto ao cinza claro, entre eles diversas opções de tons de madeira.

Este piso ainda pode ser instalado por cima de outros pisos, dando a possibilidade de realizar uma transformação limpa e rápida.

Um pouco sobre as mantas de piso…

CANALETADA – Normalmente usado em piso térreo, pois é uma manta que retém a umidade.

BORRACHA – Conforto acústico J !

LISO – Melhora o som entre ambientes, indicado a partir do primeiro andar. Ótima para o vizinho debaixo.

Agora podemos por a mão na massa também, olha o passo a passo de instalação!

PISO LAMINADO

1- primeiro você escolhe qual o tipo de manta que irá utilizar no ambiente.

(neste passo a passo aplicamos a Canaletada, quando aplicada esta manda a parte com textura irá colocada para baixo).

2- Em seguida deixe +/- 15mm de folga da parede e então é só começar a montar.

3- Os encaixes devem ser colocados com muito cuidado para que não fique nenhuma folguinha.

Visita-Duratex-Estudio-Vira-Lata-com-Remobilia-2

PISO LVT COLADO

Para esta aplicação é importante que o piso ou contra piso estejam bem lisinhos, pois este produto marcará caso haja imperfeições.

1 – aplique a cola acrílica no contra piso, espero mais ou menos 15min, ela deve parecer que esta um pouco seca, mas não estará.

2 – Deixe mais ou menos 15mm de folga da parece e comece J

3 – E então é só ir colando. Muito importante, aplique a cola num espaço que você consiga trabalhar sem pisar nela.

4- O piso LVT pode ser cortado com um bom estilete e força, assim você pode até “brincar” com algumas formas. (Lá da Duratex, eu pude testar e fiz um comecinho de mosaico, olha só)

Visita-Duratex-Estudio-Vira-Lata-com-Remobilia-3

Dica extra: fazer com mais pessoas, facilita o processo e fica mais divertido né?

www.duratexmadeira.com.br/pisos

No site tem também simulador de ambientes, e vocês podem simular a casa, escritório do jeitinho que quiserem.

perfil-julia

Banquinhos de Tijolos <3

Dentro da listinha de materiais que podem ser reaproveitados e assumir diversas outras funções, além daquelas que eles foram originalmente concebidos, você já conhece os paletes, os caixotes, e também os blocos de concreto que, volta e meia, aparecem por aqui, seja em divisórias estilosas, banquinhos de jardim incríveis, ou racks charmosos em salas minimalistas.

Mas a verdade é que dá pra fazer MUITAS outras coisas com aqueles blocos que sobraram da sua última reforma, ou que você encontrou ali jogado na esquina. Eles podem se transformar ainda em, belos jardins verticais, criados mudos, mesinhas de apoio, assim como, banquinhos lindos que, tenho o prazer de compartilhar, a versão mais perfeita deles agora com vocês, nesse diy que é só amor!

Achadinho maravilhoso que vi primeiro lá no blog Casinha Arrumada, daí fui atrás do diy e lá estava ele, todo completinho no blog Joia De Casa, que eu adoro! O melhor de tudo é que o projeto pode ser feito todo com sobras de materiais, como retalhos, cortes de espuma, cordão de varal e aquele restinho de tinta que sobrou da sua última empreitada decor, é só você pega tudo isso e seguir o passo a passo, vem!

banco-concreto_passo-a-passo-blog-remobilia banco-concreto_final-1 banco-concreto_final-2

Tão simples e tão lindo, do jeito que a gente gosta! Agora eu também quero descobrir o diy dessa mesa, por né, tá linda demais!

Beijos e logo a gente volta com outra coisa boa, bonita e barata, pra você deixar a sua casa mais linda, enquanto isso, deixa aqui nos comentários as tuas ideias para reaproveitar blocos na decoração 😉
perfil_patricia

Inspiração do Dia #192

Como um ciclo que nunca tem fim, todo ano grandes institutos de pesquisa de tendências fazem as suas apostas sobre o que, segundo eles, vai bombar no próximo ano. Com relação a tendências de cor, o primeiro a fazer isso foi o Pantone Color Institute, que no mês passado, definiu o Rosé Quartz, como a cor do ano 2016. Mas antes de falar o que acho da cor, quero saber de vocês, o que vocês acham desse termo “cor do ano” ele é relevante pra você?

Voltando ao nosso tópico, eu amei o tal do rosa quartzo, achei uma cor feminina dããã, mas sem ser “penélope charmosa” sabe? Ela é moderna e atraente, além de super combinar com tons mais neutros e acinzentados, que ando curtindo muito ultimamente, e se adaptar bem com os tons mais energético e otimistas. Também trás calmaria e delicadeza para o ambiente. Outro conceito muito explorado ultimamente, que é a proposta de desacelerar, se desconectar dos dispositivos, se conectar  com você mesmo, com a natureza e a beleza do dolce fa niente.

cor-do-ano-rose-quartz-pantone-remobilia

Além da Pantone, quem também acaba de apresentar a sua visão da cor do ano foi a Tintas Coral, em um evento que eu tive o prazer de participar, junto com toda a blogaida de decoração.

Ao eleger o Ouro Monarca como a cor do ano, a Colour Futures, instituto responsável por toda a pesquisa, também trás uma paleta compositiva que bate muito com o que foi mostrado pela Pantone, e olhando de pertinho a gente pode ver que as duas cores super se compõem.

O conceito das cores chave também é muito parecido com o da Pantone, ao se convidar as pessoas a olhar para os dois lados e buscar o equilíbrio entre a vida ultra conectada e o momento de relaxar e recarregar as baterias.

ouro-monarca-tintas-coral-remobilia

Fugindo um pouco dos conceitos mostrados pelos dois institutos eu também vejo na escolha das cores uma valorização do feminino, que tem muito a ver com o nosso momento de luta pelo empoderamento feminino, onde surgem a todo momento movimentos fantásticos, defendendo a igualdade salarial entre os gêneros, a liberdade de decidir sobre o próprio corpo, e tantos outros tópicos que deveriam ser básicos, mas que ainda esbarram em um mundo de machismo e misoginia, mas é claro que esta é apenas a minha interpretação, e como eu enxergo as coisas nesse momento.

E você, o que achou das cores do ano para 2016, combinam contigo?

perfil_patricia

Inspiração do Dia #189

Eu nunca gostei da expressão “pensar fora da caixa”, principalmente quando ela era usada pelos meus professores da pós-graduação, quase sempre era associada com uma quase obrigação de tentar algo diferente, mas sempre vinha de forma tão vaga que acabava soando como uma palavra da moda tipo, “superar expectativas”  “não sei o que personalizado”, será que é possível pensar fora da caixa o tempo todo, não cair no “lugar comum”, superar sempre as expectativas e criar algo realmente personalizado, sempre?

Nessa leva de expressões vagas vem também o “seja criativo!” Mas o que isso significa? Pra mim, ser criativo, ao menos no campo da decoração, é conseguir enxergar novos usos e combinações usando os mesmos objetos de sempre, com outros que não tem nada a ver, afinal um sofá deverá primeiramente cumprir a sua função de ser um sofá, mas ele pode ser feito de paletes, caixotes ou até sobras de tijolos, cumpriu a função de ser sofá? Então estamos bem.

Acredito na criatividade como um exercício, que deve ser feito a todo momento e dele surgirão as tais ideias criativas, mas onde eu quero chegar com esse blá, blá, blá mesmo? Ah! Lembrei.

Dia desses, encontrei essa ideia super bacana que transformava um cesto de lixo em uma mesinha de apoio super charmosa, e é claro que eu amei, mas o que mais me chamou a atenção foi a simplicidade da ideia. Você tem um cesto e um tampo de madeira, junte os dois e terá uma mesinha de apoio… e se for experto o bastante, talvez até um baú também, simples assim!

mesinha-de-cesto-de-lixo

A sacada nesse caso, é que essa é apenas uma ideia derivada de tantas outras, como saber quem foi o primeiro a apoiar algo em um cesto de lixo e ver que ali poderia existir uma mesinha? Impossível saber, mais o importante é que a ideia é ótima e pode ser aplicado em várias outras coisais, e aí entra outra parte do exercício de ser criativo, se inspirar, aplicar, compartilhar e inspirar os outros em seguida. Beijos e até a próxima inspiração 😉

Você encontra a fonte das imagens e alguns diys para colocar em prática na nossa galeria do Pinterest.

perfil_patricia

Salinha Repaginada Gastando Quase Nada

Oi gente bonita, depois de uma semana movimentada é hora de voltar a nossa rotina e compartilhar ideias maravilhosas para deixar a tua casa mais colorida e querida gastando pouco, é claro. Já faz um tempinho eu quero mostrar o antes e depois de uma salinha que é perfeita para o nosso blog.

Nós que adoramos decoração, vivemos nos deparando com móveis em nossas casas que simplesmente não nos representam. Eu já vivi isso com uma estante bizarra que eu mesma comprei, admito. Abandonei a coitada na nossa antiga casa, assim que a gente se mudou para o apê simplesmente por que não tinha jeito de tentar repaginar aquele trambolho que já nasceu todo errado. E assim eu aprendi que aparadores e nichos podem fazer um trabalho muito mais eficiente que uma estante desengonçada, deixando a decoração mais clean e com espaço de sobra para trabalhar na decoração das paredes.

Foi a também insatisfação com o seu rack que fez o Matheus do Blog do Math correr atrás de alternativas para deixar a sala do seu pequeno apê mais condizente com o seu estilo. Como de praxe ele começou procurando alguma coisa bacana e que coubesse no orçamento, o que é impossível em quase 99% dos casos. A verdade é que o que gostamos e achamos o máximo não encaixaria no orçamento nem se a gente parasse de comer pra poder pagar. Porém, desistir de ter aquele cantinho dos sonhos não é uma opção, então vestimos nosso avental, arregaçamos as mangas e partimos para o faça você mesmo.

Foi isso que eu fiz em quase tudo que tenho aqui em casa e foi o que o lindo do Matheus fez também.

Na dúvida entre usar prateleiras de pinus ou caixotes de feira no lugar do rack, ele foi lá, combinou os dois, criou uma paleta de cores toda mimosa, e o que era um cantinho comum, virou um xodó só.

decorando-com-caixotes4

É claro que não foram só os caixotinho coloridinhos que transformaram esse cantinho, mas sem dúvida eles abriram espaço pra que todos esse amor em forma de mimos decorativos transbordasse. Assim  tudo se mostra, sobra mais espaço pra ser criativo e deixar a sala com um encantamento especial.
decorando-com-caixotes

Confesso que babei em cada coisa linda que ele usou para decorar o novo aparador, rolou um amor tão grande que eu nem sei o que dizer desse cara que mal conheço, mas já considero pacas 🙂

Quer ver todo o processo e os outros detalhes que eu não coloquei aqui vai lá se apaixonar, depois volta aqui e me conta como foi 😉

Ps: Esse é mais um achado do blog mais que fofo do mundo, Histórias de Casa, que sempre me apresenta bloguinhos novos e cantinhos encantadores.

perfil_patricia