DIY Passo a Passo: Pufe de Câmara de Ar.

Passo a Passo pufe mde camara de ar

 A ideia de montar pufes, mesas e outros móveis com pneus usados, para decorar a casa de um jeito criativo, sustentável e barato já é uma coisa amplamente difundida na internet, mas eu nunca havia pensado que a câmara de ar também poderia ser um elemento alternativo interessantíssimo de se usar, até conhecer o trabalho da designer Camilla H. Halvoersen, que criou uma linha completa de pufes e poltronas usando as câmaras de ar revestidas com tiras de tecido para estofado, o resultado foi tão bacana que nem dá pra acreditar como é que gente não pensou nisso antes.

Daí quando o pessoal da Revista Sou Mais Eu! da Editora Abril entrou em contato com a gente, para que montássemos um passo a passo de como fazer em casa esse projeto, para a sua edição 355, é claro que topamos na hora.

Mas para que todos pudessem chegar a um resultado bacana, com o menor custo possível, fizemos algumas mudanças na peça, como por exemplo, no projeto original são usadas câmaras de ar de pneus de trator, que são gigantes e difíceis de encontrar, assim substituímos por um câmara de pneu de carro comum.

Outra mudança foi o revestimento, a ideia usar as sobras dos rolos de tecido para estofado transformando-os em tiras para enrolar na câmara é ótima, mas pra conseguir isso você tem que ter o contato direto com o fornecedor dos tecidos, o que não seria fácil pra todo mundo, assim fomos em busca de um outro material que pudesse ter um resultado bacana e que seria fácil de encontrar.

Pensamos em usar fio de malha, que você pode comprar pela internet por quilo e tem cores bem bacanas para se trabalhar, mas foi quando vasculhávamos as prateleiras da loja de armarinhos que achamos uma lã que seria perfeita para o que precisávamos.

Hoje em dia exitem dezenas de diferentes tipo de lã e para nossa sorte a linha Trevo da marca Pinguin é uma lã com 3 faixas de cores e com uma largura de 2 cm, desta forma iriamos conseguir fazer um degradê muito próximo ao da peça original e sem precisar enrolar infinitamente as tiras caso usássemos o fio de malha.

Adoramos o resultado final e esperamos que vocês também gostem, agora vamos aos materiais.

Materiais:

  • 1 câmara de ar aro 13”;
  • 6 novelos de lã da linha Trevo da marca Pinguin ou similar;
  • Tesoura;

Modo de Fazer:    

  • Encha a câmara com a ajuda de uma bomba de ar, daquelas você usa para encher o pneu da bicicleta, caso você não a tenha, é só ir até um posto de gasolina e usar a bomba de ar deles.

Ps: Você irá reparar que a câmara de ar não enche de forma simétrica porque a tensão da borracha é diferente perto do pino e longe dele, mas isso é normal.

  • Com a câmara cheia, você vai começar a enrolar a lã paralela ao pino, fazendo primeiro um nó e cortando a ponta extra da lã, mantenha-a tencionada enquanto estiver revestindo o puff, mas não apertada demais, assim ela mantém a elasticidade para se movimentar quando você estiver sentado nela. Outro detalhe é sempre sobrepor levemente as tiras para evitar que o fundo do pneu apareça.
  • Quando o novelo terminar, emende o próximo novelo mantendo os nós no lado no pufe que irá ficar para baixo.

pufe-de-camara-de-ar-passo-a-passo-blog-remobilia

  • Um detalhe importante é que como a lã que usamos possuía tons diferentes em ambos os lados, nós alternamos a posição para conseguir um degradê mais rico, para repetir o efeito use sempre o lado que vai ficar para baixo para mudar a posição da tira.
  • Nós usamos 5 novelos de lã em um total de 60 metros, mas colocamos 6 no descritivo para não ter o risco de faltar.
  • Finalize a peça revestindo o pino, faça o nó dando uma volta nele com a lã passando a ponta por dentro, repita o processo 2 vezes e arremate colocando a ponta solta para dentro da tiras.

pufe-de-camara-de-ar-passo-a-passo-blog-remobilia-1

Apesar de parecer complicando, depois que você pega o jeito é super fácil de fazer o pufe, estamos pensando em encher a casa com eles.

pufe-de-camara-de-ar-passo-a-passo-blog-remobilia-3

O melhor é que a lã que usamos tem várias combinações de cores, assim dá pra fazer vários super coloridos.

É isso, espero que vocês tenham gostado.

perfil patricia

DIY Passo a Passo | Quadro com Puxadores para Organizar os Colares.

DIY Remobília_Suporte para colares com pucadores

Já vi muitas ideias para reutilizar puxadores, ou usá-los de forma diferente na decoração, uma das ideias que mais gosto é a de fazer um mix de diferentes estilos de puxadores para montar uma peça que pode servir, para entre outras coisas, organizar os colares de um jeitinho bem romântico.

Essa ideia tem várias versões diferentes, você pode fixar os puxadores na porta do guarda-roupa, pode usar como base uma gaveta e pregá-la a parede, pode usar somente a frente de uma gaveta e fixar os puxadores ali, bem, as possibilidades são inúmeras.

etsy 2

Sempre quis fazer uma peça dessas pra mim, e agora graças a um presentinho muito fofo da Collector55 tenho meu próprio suporte de colares todo estilosinho para mostrar para vocês.

Todos já sabem que estamos dando uma repaginada geral no quarto do Arthur, e para dar uma renovada no berço dele, pedimos ajuda da Collector, que tem uma linha lindíssima de puxadores, que você pode conhecer entrando aqui, eles curtiram a ideia e mandaram pra gente 6 lindos puxadores pra gente brincar.

Dessa brincadeira 2 foram para o berço e com os outros quadros nós montamos o suporte, usando como base um quadrinho feito para o quarto do Arthur e que agora tinha ficamo meio deslocado.

O resultado ficou incrível e o melhor é que é super fácil de fazer.

Materiais:

  • 4 puxadores de diferentes modelos;
  • 1 moldura larga para uma folha A4;
  • Retalho de tecido na medida de uma folha A4;
  • Fita dupla-face;
  • Tesoura;
  • Estilete;
  • Régua;
  • Furadeira.
  • Opcional: Porcas adicionais na mesma medida da dos puxadores;

Modo de Fazer:

  • Retire o fundo da moldura e cole dupla-face em toda a extensão das laterais;
  • Corte o tecido deixando uma sobra de + ou – 3 cm para cada lado, retire a fita de proteção da dupla face e cole o tecido mantendo-o esticado.
  • Como cortamos o tecido com uma sobra maior que 3cm foi preciso colocar mais uma faixa de fita dubla-face;
  • Termine de colocar o tecido lembrando de deixá-lo bem esticado, peça ajuda de alguém para ficar segurando a placa enquanto você estica e cola o tecido;
  • Terminada essa parte vamos agora prender os puxadores, com a ajuda de uma régua meça a área interna da moldura e divida essa área em 5 partes iguais, em nosso caso a medida era de 29,5, dividida assim, em 5 partes de 5,9 cm;
  • Daí basta usar a furadeira com um broca adequada a espessura do parafuso do puxador e fazer os furos necessários.
  • Como a moldura que utilizamos tinha uma borda alta, foi necessário usar porcas extras para afastar o puxador da base;
  • Depois de fixar todos os puxadores é só colocar de volta o fundo decorado com tecido e pendurar os colares.

Modo de Fazer Modo de Fazer Modo de Fazer Modo de Fazer Modo de Fazer Modo de Fazer Modo de Fazer

Muito simples né? Você pode usar o quadro apoiado no criado-mundo, na penteadeira, na bia no banheiro ou pendurar na parede também, o legal é você poder usá-lo em diferentes lugares mesmo.

Eu coloquei ele na minha mesinha de apoio da sala para poder fotografar melhor, mas achei que ficou tão bacana e provavelmente ele vai ficar por aqui mesmo, olha só.

Fonte das referências:  |  | Decorviva!

selo publieditorial

perfil patricia

Antes e Depois: Telefone retrô colorido.

telefone retro mcolorido_antes e depois

Aos apaixonados pelos objetos retrôs, lhes apresento minha mais nova, tá não tão nova, relíquia.

Na minha incessante busca pelo telefone “gordinho” consegui ganhar este mimo.

A princípio meu objetivo era usar ele como telefone mesmo, mas descobri que a máquina estava com os dias contados, então acabei optando por torná-lo mais um ícone da decoração do meu cafofo.

Materiais:

  • Lixa P150;
  • Chave de fenda para desmontar a máquina;
  • Tinta plástica na cor Escarlate;
  • Rolinho de espuma para pintar;
  • Pincel;
  • Base de foam, ou alguma base rígida;
  • Super Bonder;

Modo de Fazer:

  • Primeiro retirei a base do telefone, desmontando toda a máquina já que não faria uso desta;
  • Retirei também a parte que encaixa o disco para poder limpar e pintar;
  • Lixei todo o telefone bem superficialmente para que a tinta se fixasse melhor;
  • A pintura foi feita com tinta especial para plástico, encontrada em qualquer loja de artesanato e é super baratinha, foi aplicada com rolinho de espuma para que a tinta se espalhe mais uniformemente, apenas em áreas onde o rolinho não alcançava que passei o pincel, mas mesmo assim sempre passava o rolinho por cima para dar um bom acabamento. Foram passadas 03 demãos de tinta;
  • Depois de seco, encaixei o disco na caixa do telefone e colei com super bonder para reforçar. Para finalizar encaixei a base de foam (parece um isopor mas é mais rígido) no fundo do telefone para dar o acabamento;

DSC00539 DSC00542 DSC00544telefone retro colorido antes e depois DSC00546 DSC00547 DSC00640 DSC00642 DSC00653 retro

Esta tinta plástica é encontrada em diversas cores, podendo assim criar várias composições.

Segue alguns modelos  que me inspiraram.

telefone retro colorido

Via Pinterest

colaboradores_perfil_camila

DIY Passo a Passo: Como Decorar com Círculos de Cortiça

DIY_mousepad de cortiça

Se você está procurando uma ideia diferente de como montar um mousepad, eu posso te ajudar.

Há um tempo atrás em uma visita ao Gazomêtro encontrei uma loja que vendia várias coisas feitas de cortiça, como painéis com várias texturas, rolhas e peças circulares de várias tamanhos e espessuras.

Trouxe para casa alguns desses círculos e comecei a procurar o que poderia fazer com eles.

Acabei optando por forra-lo com um tecido estampado de ALLSTAR, que encontrei em uma loja fofa lá na 25 de Março, para isso usei cola branca em abundância, e então resolvi usá-lo como painel de recados, mas nunca cheguei a fixá-lo na parede.

Foi quando estava mudando minha mesa de lugar que tive a ideia de transforma-lo em mousepad porque o que eu tinha era um de espuma todo feioso, bastou dar uma arrematada na borda com uma fita viés, presa com grampo, que tinha aqui e ele ficou assim.

Adorei o resultado e ele funciona muito bem, ao contrário do que dizia o Vinicius que achava que o mouse óptico não funcionaria direito com a estampa.

Durante a minha pesquisa buscando inspirações achei várias ideias bacanas em que podemos usar esses painéis para decorar a nossa casa de forma muito criativa e útil.

Olha que interessante esse outro modelo de mousepad  que eu achei no blog Show Me Pretty , aqui o cortiça ficou ao natural e a cereja do bolo são os cravos de metal fixá-dos na lateral.

Via Show Me Pretty - Studded Mousepad Via Show Me Pretty - Studded Mousepad

Achei várias outras ideias no site Paperblog, essa aqui é bem parecida com a que eu fiz aqui em casa só que ao invés de cola branca você pode usar cola quente para fixar o tecido na cortiça.

Via Muy Ingenioso

Ah! e claro que também dá para colorir a cortiça nas cores que você quiser usando tinta acrílica ou esmalte e montar painéis de recados os apenas decorativos na parede.

Via Salvamanteles Ikea DIY Via Salvamanteles Ikea DIY

Nada te impende de usá-los ao natural também se a decoração da sua casa tem um estilo mais rústico.

Via Salvamanteles Ikea DIY

São varias as opções de customização e usos, veja qual tem mais a sua cara.

Não achei nenhuma loja online que venda esses círculos prontos e entregue pelo correio, eu comprei nessa aqui! Também achei essa aqui! Deem uma olhada.

fundadores_perfil_patricia

D.I.Y: Guarda-Lua de Pisca-Pisca

DIY_remobilia_guarda-lua

Nas minhas tantas andanças atrás de novas referências e blogs fofos para compartilhar com vocês, acabei topando com o Madame Criativa e me apaixonei.

Nele é possível achar não só ideias de decoração para casa super criativas e fáceis de fazer, mas também belas dicas para montar uma festinha formidável com direito até a receitinhas, tudo isso muito bem explicadinho e bem fotografado.

E de todos os projetos, o mais encantador na minha opinião é o “guarda-lua” feito com a estrutura de um guarda-sol velho decorado com os nossos queridinhos,  pisca-piscas.

Materiais:

  • Guarda-sol, velho.
  • Tesoura
  • Fio de nylon ou cordão grosso.
  • Lacres
  • Extensão
  • Pisca-Piscas (a quantidade vai depender do tamanho do seu guarda-sol)

 Modo de Fazer:

  1. Com a ajuda da tesoura retire o tecido do guarda-sol, reservando as ponteiras;
  2. Passe o cordão ou fio de nylon nos furos das ponteiras.
  3. Abra a armação do guarda-sol de ponta cabeça, sobre o chão.
  4. Encaixe as ponteiras em cada vareta metálica.
  5. Depois de encaixar todas as ponteiras, dê um nó no cordão para fechar o perímetro. A dica aqui é: Amarre o cordão de modo que ele fique bem esticado. É isso que dará estabilidade ao guarda-Lua.
    Outra coisa: para melhor fixação, passe cola quente entre os furos das ponteiras e o cordão.
  6.  Passe outro fio pelas dobradiças das varetas, para deixar a extrutura mais firme.
  7. Fixe uma extensão de tomadas na haste central do Guarda-Lua
  8. Comece a fixação das luzinhas pelo centro formando espirais, deixando os interruptores no centro, próximo à haste central.
  9. Vire o Guarda-Lua já pronto, encaixe na base e ligue na tomada.

 

madamecriativa3 madamecriativa2

Olha que coisa mais linda e perfeita pra um jantar romântico, regado a boa comida e um bom vinho, hem?!

madamecriativa

Mais que necessário ter um desses no jardim da minha casa nova.

Veja o passo a passo original aqui!

Gostou? Então comenta, eu vou amar você já sabe!

 

 

D.I.Y: Garrafas de Vidro Decoradas em Degradê.

Olá pessoal, essa semana vamos ter um D.I.Y bônus, acabei de achar esse passo a passo super simples, de como decorar garrafas com tinta para parede, só que pelo lado de dentro, e agora vou compartilhar com vocês.

Aqui a cereja do bolo é usar a tinta branca como base, e fazer pequenas porções coloridas, em diferentes tons, com corantes para tinta acrílica.

Neste exemplo as cores vão do amarelo claro ao púrpura, como em um final de tarde, mas você pode usar a paleta que quiser.

Materiais:

  • Garrafas de vidro transparente;
  • Corante para tinta Acrílica;
  • Tinta acrílica para parede;
  • Uma seringa de 60 ml;
  • Potinhos de vidro
  • Balde
  • Pincel ou Espátula

Modo de Fazer

  • Lave bem as garrafas com detergente, é importante que não fique nenhum resíduo de óleo ou sujeira dentro delas.
  • Coloque-as de boca para baixo em um balde e espere secar.
  • Misture a tinta com o corante em pequenas porções começando do tom mais claro para o mais escuro.
  • Com a ajuda da seringa insira a tinta dentro da garrafa de forma circular,  para espalhar a tinta, repita este movimento até que toda a garrafa esteja coberta. (garrafas grandes podem consumir de 80 a 100 ml de tinta);
  • Coloque as garrafas mais uma vez de boca para baixo dentro do balde para que o excesso de tinta saia, e espere secar por aproximadamente 24 horas.

et voilà…olha que lindeza!

O post original é do Blog La Chica de la Casa de Caramelo

D.I.Y: Cadeira de Escritório com Roupa Nova.

A gente sempre quer renovar a decoração da nossa casa, não é mesmo?

Lembro que quando eu era pequena meus pais não tinham grana para reformar a casa, ou muito menos, para trocar os móveis, mas isso não os impedia de tentar dar uma alterada na decor simplesmente mudando os móveis e objetos de lugar.

Isso já fazia uma diferença enorme, acreditem em mim.

Mas, mudar as cores dos objetos ou dos móveis pequenos, também pode ser uma ótima pedida, pra quem não quer gastar muito.

Achei esse passo a passo facinho no Portal da Decoração e eu adorei!

Para dar uma cara nova a cadeira de escritório, bastou mudar a cor e trocar a estampa, simples assim, como vocês podem ver aqui embaixo.

Materiais:

• 4 quadrados de tecido de algodão estampado, sendo 2 com 50 x 50 cm e 2 com 140 x 140 cm;
• 1 tira de 5 X 50 cm de tecido de algodão liso;
• Cola branca, da Cascoraz;
• Cola Spray, da Toke e Crie;
• Tinta PVA cereja;
• Pincel chato de cerdas macias;
• Grampeador;
• Tesoura;
• Chave de fenda.

Modo de Fazer: 

• Desparafuse e remova o assento e o encosto da cadeira. Com o pincel, dê 3 demãos de tinta PVA na estrutura de metal, com intervalos de uma hora para secagem. Feito isso, deixe a peça secar completamente por 3 dias.

• Com o pincel, passe termolina nos tecidos e espere secar por 1 hora.

• Com o tecido maior estampado, forre o assento da cadeira, esticando bem, e grampeie na parte inferior. Faça o mesmo procedimento com o tecido menor para reformar o encosto.

• Agora, forre a parte de baixo do assento com outra cor de tecido, usando a cola spray.

• Para dar acabamento na parte de trás do encosto, faça um viés com a tira de tecido e, com a cola branca, cubra as emendas de tecido, como indica a imagem.

• Parafuse o encosto e o assento na cadeira.

et voilà…

Mas um milagre da tinta spray e da estampa nova salvando uma peça do lixo e colorindo a casa.

Imagens e post original: Portal da Decoração 

D.I.Y: Como montar uma sapateira/puff com um caixote de feira.

Um dos primeiros posts que produzi para a o blog foi o especial Remobiliando Caixotes de Feira, com várias ideias para reutilizar caixotes na decoração da casa.

Mas como eu sei que todo mundo adora essas ideias e sempre tem alguma coisa fresquinha e linda saindo da caixola de alguém, aqui vai um passo a passo supimpa publicado na revista Decorar Mais por Menos e que eu copiei na cara larga pra vocês.

A ideia é daquelas tipo “como não pensei nisso antes?” – Montar uma sapateira que de quebra funciona como um puff, simples assim.

O resultado final é lindo, além de muito prático, porque com o acréscimo das rodinhas você pode levar a sapateira/puff para qualquer canto do quarto ou da casa que quiser.

Mas vamos deixar de enrolação e bora colocar a mão na massa!

Materias:

• Caixote de feira

• Lixa para madeira (P120)

• Spray colorido

• Enchimento de poliéster

• 2 placas de MDF do tamanho da lateral maior do caixote (uma para o assento e outra para a prateleira)

• 4 rodízios

• Retalho de tecido (com sobra de 10 cm de cada lado da placa de MDF)

• 4 toquinhos de madeira

• Parafusos de 2 cm e tachas

• Furadeira-parafusadeira

• Grampeador para tecido e martelo

Modo de Fazer:

1 – Lixe o caixote e os toquinhos que apoiarão a prateleira até que fiquem bem lisos. Atenção: não lixe o MDF.

2 – Aplique uma demão de tinta spray nas peças, espere secar e pinte de novo. Agora repita o processo com a prateleira de MDF.

3 – Coloque o enchimento de poliéster sobre a placa de MDF que servirá de assento.

4 – Envolva-o com o tecido e pregue esse último na parte de baixo da chapa com o grampeador. Faça o acabamento martelando as tachinhas no tecido ao longo das bordas.

5 – Pelo lado interno do caixote, prenda o assento nos quatro cantos cuidando para que os parafusos não cheguem até o enchimento. Vire o móvel e parafuse os rodízios na base.

6 – Pregue os toquinhos nas faces internas e encaixe a prateleira sobre eles.

Dá uma super vontade de ter um também, não é mesmo?

Pra você que adora as nossas ideias com caixotes, mas nunca encontra nenhum para remobiliar, dá um pulinho no Mercado Livre que você vai achar.

Deixe seu comentário dizendo o que achou do nosso passo a passo.

Imagens e produção: Casa Abril