Banquinho Remobiliado II

E cá estamos nós com mais um banquinho da série Remobília!!

Este foi salvo na casinha de lixo do meu prédio. As vezes meus vizinhos resolvem fazer uma limpa em casa e despacham alguns móveis, e eu não perco a oportunidade de resgatá-los quando possível. Tenho muito que agradecer a estes meus vizinhos desapegados hehe.

O problema deste banco pra ser abandonado é que o tampo estava com uma parte meio quebrada, fora os riscos na pintura. Resolvi que seria melhor tirar a parte quebrada e pintar o restante do tampo, pois na verdade esta era apenas uma camada de um mdf que ia por cima da madeira que fez a fixação dos pézinhos.
antes-e-depois-banquinho

Como em cada projeto há uma surpresa diferente, eis que quando tiro o mdf, o tampo debaixo estava com recortes para encaixe dos pés. Para corrigir isto precisei lixar a parte da madeira que estava mais em relevo e depois passei massa de madeira para uniformizar. Esperei até secar a massa e dei o toque final com a lixa.
antes-e-depois-banquinho-1

Só que antes de decidir nivelar o tampo eu comecei a pintar os pés do banco de vermelho sem ter retirado a tinta branca que estava embaixo, achando que seria boa ideia e vi que a coisa começou a ficar sem graça e minha criatividade estava meio restrita no dia.

Resultado: lixei o banco inteiro novamente para tirar toda a camada de tinta e comecei a pesquisar novas referências pra criatividade voltar a fluir.

Dica: sempre que for pintar seu banco de outra cor que não seja a cor que está nele, é bem interessante retirar esta camada de tinta, pois as vezes ela não segura a tinta que você resolveu passar por cima e qualquer coisa que encosta nela já descasca. Sugiro a utilização de um “raspador”comprado em loja de material de construção, para retirar a camada mais grossa de tinta, depois é só fazer o acabamento com a lixa. Fica bem mais fácil.
antes-e-depois-banquinho-2

Resolvido o problema com a tinta e a criatividade, me encantei pela madeira crua que ficou no banquinho e decidi que pintaria apenas uma parte, para dar uma cara mais diferente ( vocês sabem, não gosto de nada convencional) O tampo também foi pintada na mesma cor dos pezinhos.

Como este banco tinha um diâmetro maior, achei que ficaria um sucesso usá-lo como mesa lateral, foi isto que definiu o desenho do tampo, inspirado na estampa chevron, misturando alguns tons próximo ao laranja.

antes-e-depois-banquinho-3

Recomendo fazer a base do desenho com lápis bem fraquinho ou algum outro material que não apareça quando passar a tinta por cima. E também quando for fazer a pintura, os desenhos deverão ser marcados com fita adesiva para evitar que uma tinta fique sobreposta a outra no desenho.
antes-e-depois-banquinho-4

Finalizada a estampa, passei uma camada de verniz para segurar a tinta e evitar que risque ou manche, já que neste caso ela será usada com mesinha. Para acrescentar um diferencial, coloquei uma base MDF fazendo uma prateleirinha apoiada nos travamentos dos pés, para que o banco possa ser muito bem aproveitado.

O sucesso foi tanto que minha amiga designer Beth Mochinski aderiu a moda DIY e repaginou o mini banquinho da casa dela com uma estampa de botão, e ainda participou da montagem do ambiente para as fotos cedendo seu cafofo. antes-e-depois-banquinho-5 antes-e-depois-banquinho-6 antes-e-depois-banquinho-7

perfil-camila

Inspiração do Dia | Árvores de Natal

Este ano eu juro que estou me esforçando para não deixar tudo para última hora no quesito decoração de natal. Já comecei minha seleção de inspirações e até já juntei o material necessário para começar a botar a mão na massa.

A ideia é conseguir colocar quase tudo no lugar já nesse final de semana, afinal de contas antes no natal chegar, temos um outro evento na casa que pede ainda mais a minha atenção. O meu pequeno Arthur completa três aninhos em dezembro, e vai ganhar uma festinha com toda a pompa e fofura que só o 13º salário pode proporcionar.

Mas voltando a decoração de natal, essas aqui são algumas das minhas inspirações para a árvore de natal do cafofo remobília. A ideia é aproveitar os materiais que posso encontrar facilmente aqui perto de casa: sobras de madeira de construção e galhos de árvore do parque.

inpiracao_arvore_natal_madeira inpiracao_arvore_natal_galhos inpiracao_arvore_natal_galho

Viu quanta belezura? E o melhor de tudo, super sustentável e econômico. Essas aqui são as matérias primas que já juntei, e você pode acompanhar o passo a passo lá no Instagram! Beijocas e a gente se vê por lá!

Ah! Você encontra outras ideias bacanas para árvores de natal criativas AQUI Ó!

inpiracao_arvore_natal

perfil_patricia

Inspiração Natalina | Guirlandas de Natal

Um dos objetos mais comuns na decoração natalina são as guirlandas, que funcionam como o nosso lembrete definitivo que o tempo de celebrar o natal e estar junto da família já está chegando.

Mas depois de pesquisar um pouquinho, descobri que as guirlandas são bem mais antigas que o próprio natal. Na verdade elas sempre foram usadas como um simbolo de proteção, ou boa ventura para todos os habitantes do lar. Há registros dessas mesmas coroas sendo usadas na Roma Antiga e até no Egito, muito antes de ser adotada pelas tradicionais festas natalinas.

Pra mim a beleza de se colocar uma guirlanda na porta, começa com você mesma escolhendo os materiais e criando a peça perfeita que melhor representa o estilo da tua casa e das pessoas que moram alí. Desta forma, laços, gravetos, flores e até fuxicos são apenas alguns dos elementos que você pode usar para botar a mão na massa e começar a preparar a tua casa para o natal, olha só.

decoracao-de-natal-guirlandas

Fonte: Pinterest Remobília | Decoração de Natal 

Confesso que ainda estou escolhendo o que fazer, adorei a ideia com os canos de pvc, e acho que a mangueira do quintal também poderia virar uma bela guirlanda rs! Mas não te preocupa que logo vou postar lá no instagram todo o passo a passo da criação da minha guirlanda remobília. Beijocas e a gente se vê por lá.

perfil_patricia

Ideias Criativas para o Número do Cafofo

Quem se preocupa em ter uma casa bacana, com o seu jeitinho, cheio de cantinhos especiais, com peças que contam a história da sua vida e como você se relaciona com ela e com aquele espaço, não vai deixar de lado a primeira impressão, aquilo que teus amigos vão ver e sentir, antes mesmo de você abrir a porta.

Em um outro post eu comentei o poder da fachada e como ela já de cara mostra muito da personalidade do morador, sem segredo e sem mistério.

Mas tem um outro detalhezinho muito menos chamativo do que a fachada, mas que também já dá uma dica sobre a tua personalidade.

O número da nossa é algo que carregamos por toda a vida, é através dele que as encomendas chegam e os amigos batem a nossa porta, então nada mais junto do que dedicar um tempinho a deixa-lo, digamos, mais de acordo com o seu cafofo.

Aqui em casa essa questão ainda não foi resolvida, estamos entre decorar a mureta do portão com azulejos com o número 94 se repetindo em vários modelos diferentes, ou partir pra algo mais chamativo e pintar logo um 94 com fonte bold na face do container que fica virada pra rua. Nessa opção ao menos é certo que ninguém vai ficar na dúvida de qual é o número da nossa casa, rs!

Como o meu lema é sempre pesquisar pra ver se não encontro no caminho uma ideia ainda mais bacana e que ainda não tínhamos cogitado, juntei uma galeria com várias inspirações pra você que está procurando ou quer mudar esse pequeno grande detalhe de toda casa linda.

galeria-remobilia-numeros-da-casa

galeria-remobilia-numeros-da-casa-2

Fonte: Positively Splendid | natalie creates | Under the Table and Dreaming | Infarrantly Creative | Offbeat Home | UrbanMettle | Casa e Jardim | Inspired by This

Os estilos variam dos mais fofos e coloridos, para os mais sóbrio e discretos, o legal é achar entre eles o que mais tem a sua cara. Ah! e é claro, não esquece de mostrar pra gente depois como ficou, é só publicar no Instagram/Facebook/Twitter com a #euquefizremobilia. Beijocas e a gente se vê no próximo postinho.

 perfil_patricia

Inspiração do Dia #163

Sapeando por essa blogosfera marota, atrás de ideias para decorar varandas e sacadas com bambu, acabei achando sem querer, esse banco de praça incrível, construído inteiramente com toras de bambu cortadas, combinadas e presas com quatro cintas de aço inoxidável.

A ideia é tão simples e tão bem realizada, que como sempre acontece, fiquei com aquela sensação de como é que eu não pensei nisso antes?

O design da peça é criação dos designers Elena Goray e Christoph Tönges, mas esse não é único trabalho deles usando bambu como matéria prima, no site da empresa alemã COBAM você encontra muitas outras peças incríveis da dupla.

inspiração-do-dia-2 inspiração-do-dia

inspiração-do-dia4

Pra quem ficou querendo tentar reproduzir a peça em casa, a dica é usar bambu tratado, para que ela tenha uma vida útil mais prolongada. Reforce também a estrutura, parafusando os bambus entre si, e o mais importante de tudo, não esquece de mostrar pra gente como ficou no final \o/

perfil_patricia

Um baú renovado com tinta acrílica

O rosa é uma cor que pra muitos é super difícil de combinar e usar corretamente da decoração. Eu já acho que se você pesquisar um pouquinho, vai achar várias propostas interessantes, em que diferentes tons de rosa são combinados de forma harmoniosa, em vários ambientes.

Se você é um desses que tem suas dúvidas quanto ao rosa, a Cor do Ano da Coral, vai te ajudar a perceber, quanto elegante pode ser essa cor. Justamente por aparecer em uma paleta mais sóbria indo de encontro aos tons terrosos, a Sombra de Cedro, é um laranja acobreado que pende para o rosa de forma muito apurada.

Só pra ilustrar como essa combinação de rosa e laranja rende bons projetos, olha só essa repaginada em um baú antigo, com os dois tons sendo usados em listras. O passo a passo é totalmente mamão com açúcar e você pode usar para dar uma cara nova a vários móveis diferentes, além daquele bauzinho que tá pedindo pra ser mais chique e estiloso.

Materiais:

  • Tinta Acrílica Primer – Podendo ser tanto líquida quanto spray.
  • Tinta Acrílica Laranja  e Rosa
  • Fita Crepe, rolo ou pincel macio.

passo-a-passo-bau-decorado1 passo-a-passo-bau-decorado


Dicas importantes: 

  • Use um pano limpo com água morna e sabão de coco para tirar toda a sujeira e gordura da peça antes de começar a pintar.
  • Aguarde sempre o tempo de secagem entre as demãos e siga todas as instruções do fabricante da tinta.

Fonte: Infarrantly Creative

perfil_patricia