O Mundo Alternativo dos Steampunk

Cinéfilo que é cinéfilo sabe do que eu estou falando, engrenagens, madeira e vapor combinados ao estilo nouveau-vintage compõe o gênero Steampunk.

Que transcende os livros e as salas de cinema, e se transforma em fenômeno cultural,  com comunidades, convenções e festivais, assim como a ficção científica, nos animes e tantos outros gêneros.

Mas o que é afinal Steampunk? Como definição do wikipédia “O gênero steampunk pode ser explicado de maneira muito simples, comparando-o a literatura que lhe deu origem.

Baseado num universo de ficção cientifica criado por autores consagrados como Júlio Verne no fim do século XIX, ele mostra uma realidade espaço-temporal na qual a tecnologia mecânica a vapor teria evoluído até níveis impossíveis (ou pelo menos improváveis), com automóveis, aviões e até mesmo robôs movidos a vapor já naquela época.”

E eu sou maluca por isso, adoro os filmes com essa referências como De volta por Futuro III, A Liga Estraordiária, Hell Boy  e o novo Sherlock Holmes do Guy Ritchie.

E todo mundo sabe que se tem demanda se faz o produto, e o que tem de coisa steampunk no mercado me surpreendeu, acabei descobrindo até o Conselho Steampunk de São Paulo, pode apostar que vou estar presente no  próximo Piquenique Vitoriano no Masp.

E aí, vamos colocar nossos espartilhos e cartolas e nos encontrar por lá?