Lanternas Japonesas


Elas são charmosas, versáteis e multifuncionais, ficam bem em diferentes situações, seja na decoração da sala de jantar ou no casamento da melhor amiga.
Permitem diversas aplicações, sendo assim uma ótima pedida pra quem quer deixar a decoração com a sua cara.
Eu estou falando das…tan tan tantannn… lanternas japonesas! Ou luminárias japonesas e você assim quiser. Sou completamente apaixonada por elas e não vejo limites para a sua utilização, como vocês podem ver na galeria que montei aqui embaixo, que tá cheinha de ideias para vocês se inspirarem e criarem suas próprias lanternas super personalizadas!
Ai gente, toda vez que me deparo com uma imagem dessas belezinhas a primeira coisa que me vem a cabeça é como tudo fica com um ar romântico e delicado, vocês não acham?!

Lado A Lado B

Lançada oficialmente em 1963 pela Philips a fita cassete foi uma grande revolução na reprodução e gravação de som,  junto com a  invenção do Walkman , lançado  pela Sony, a ideia de portabilidade para a musica tornou-se um grande sucesso no mundo todo.

Na minha adolescência eu tinha um wallkman que era o meu xodó, muitas pilhas gastas naquele aparelho ouvindo minhas coletâneas de rádio que iam de  Alanis Morrissete a Antena 1, sim eu era meio deprê naquela época, ai como eu ficava com raiva quando entrava as vinhetas antes que acabar as musicas, ou quando cobria sem querer uma musica que  gostava muito.

Mas o importante é ressaltar o que a fita cassete fez pela cultura pop e para a musica em si, ao mostrar os primeiros caminhos para de difundir a musica independente onde qualquer um  poderia produzir sua demo e bater na porta das gravadoras atrás de uma oportunidade.

Assim como qualquer mídia, a tecnologia deixou a fita cassete pra trás, mas sua marca no inconsciente popular será forte nas gerações que viveram o Lado A Lado B.

Hoje aproveitando-se desde sentimento nostálgico que a fita cassete nos traz nasce uma gama diversa de acessórios que se apropriam nos elementos gráficos da fita cassete para produzir objetos de desejo e de design.

Nostálgicos e Atuais

Porque gostamos tanto de coisas que relembrem o passado, as vezes aquele que nem ao menos vivemos? Pra mim é porque eles nos trazem uma lembrança de conforto, delicadeza e originalidade bem diferentes do estilo hi-tech que nos permeia.

Acho que por isso o estilo vintage-retrô-romântico-sixties não sai de moda, por absorver tantas referências mesclando-as as novas tecnologias e necessidades do consumir os produtos com essas características acabam por cair no gosto de qualquer pessoa que procura algo diferente.

Me diga você, eu da minha parte adoraria ter qualquer um desses itens.